Image and video hosting by TinyPic

ATENÇÃO!

Este Site não visa fins lucrativos nem tem como objetivo reproduzir as obras.Nosso único objetivo é divulgar o trabalho dos cantores e fazer com que você avalie o arquivo antes de adquiri-lo.Se você gostou deste cd, procure uma revendedora mais próxima de sua casa e COMPRE Original, não incentive e nem faça pirataria, jamais compre arquivo PIRATA.OBS: Srºs Cantores se algo contigo neste site lhe causa algum dano ou prejuizo nos comunique para que possamos retirá-lo imediatamente de nosso site. O Portal Visão News gospel, Nao Se Responsabiliza Pelos Links Aqui expostos!

IMAGENS


A maioria das fotos deste blog foi retirada do Google Imagens.

REPRODUÇÃO DE TEXTOS

A cópia integral ou em parte de textos deste blog é livre, desde que seja dado o crédito com link para cá. O FairShare rastreia todas as reproduções.

* Não nos responsabilizamos pelo mal uso do conteúdo encontrado no Site e também por qualquer dano ou prejuízo causado por algo postado aqui.

* Os donos, webmasters e qualquer outra pessoa que tenha relacionamento com a produção do site não tem responsabilidade alguma sobre os arquivos que o usuário venha a baixar e para que ira utilizá-los.

Refugiados buscam uma nova vida no Espírito Santo


“Peguei água e pão. Me escondi no porão do navio. Não sabia para onde ia. Quase morri por causa da fumaça. No alto mar, tocaram o alarme de invasor”. O relato poderia ser de um filme, mas não: a situação ocorreu com o iraquiano Haidar Kasem Alkadone, um refugiado que chegou ao Espírito Santo.



Jouma Khalil, da Síria; Haidar Kasem, do Iraque; e Moslem Masoud, do Irã: buscam nova vida no Estado. Foto: Dayana Souza
Haidar teve sorte. Assim que foi descoberto, o capitão do navio lhe acolheu e, depois de parar em muitos portos pelo mundo, decidiu ficar em Vitória. Ex-combatente das forças especiais iraquianas, deu aulas de defesa pessoal é dono de empresas no Estado, e promove eventos de luta livre.

“A divisão política é novidade no Brasil, mas no Iraque já era assim. Meus familiares também eram divididos e eu sempre fui contra o governo. Tenho 51 anos e, quando olho para trás, penso como consegui fazer tudo”, conta.

A coordenadora do Núcleo de Apoio aos Refugiados do Espírito Santo (Nuares), Viviane Mozine, disse que o Estado tem cerca de 300 refugiados. “Metade é de sírios e metade do continente africano. Não há um dado oficial. Mas, desde 2004 até 2017, fizemos cerca de 340 atendimentos de refugiados, migrantes e solicitantes”.
São pessoas que chegam sem apoio, sem dinheiro e fugindo de perseguições políticas, religiosas e raciais em seus países de origem.
Fugindo de conflitos armados em seu país, o sírio Jouma Khalil embarcou para o Brasil com toda a família.
“Saí em 12 de abril de 2014 e cheguei três dias depois. Vim com meus quatro filhos e minha mulher grávida. É muito difícil deixar tudo. Não conhecia nada e nenhuma pessoa no Brasil. Graças a Deus, hoje estão todos muito bem.”
O iraniano Moslem Masoudi, 37 anos, chegou ao Estado aos 16. “Queria conhecer o que é liberdade. Vim para a sobrevivência, sou contra a política do Irã e contra o regime deles”. Quando ele chegou ao Estado, foi acolhido por uma moradora de Cariacica. “Me tratou como filho”, afirmou.

Comentários












By Scraps Gospel ®

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também



Postagens mais visitadas deste blog

Certificado de Batismo para download

CD Ministério Mashiah – Milagre Inesperado