ATENÇÃO!

Este Site não visa fins lucrativos nem tem como objetivo reproduzir as obras.Nosso único objetivo é divulgar o trabalho dos cantores e fazer com que você avalie o arquivo antes de adquiri-lo.Se você gostou deste cd, procure uma revendedora mais próxima de sua casa e COMPRE Original, não incentive e nem faça pirataria, jamais compre arquivo PIRATA.OBS: Srºs Cantores se algo contigo neste site lhe causa algum dano ou prejuizo nos comunique para que possamos retirá-lo imediatamente de nosso site. O Portal Visão News gospel, Nao Se Responsabiliza Pelos Links Aqui expostos!


Image and video hosting by TinyPic


Botão Bíblia 1











By Scraps Gospel ®

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também



Clarissa Garotinho é expulsa do partido por ter votado contra PEC do Teto




A decisão foi anunciada pela Executiva Nacional do PR nesta segunda-feira (21). A filha de Anthony Garotinho votou contra a PEC 241


Foto: Reprodução/ Facebook

Clarissa Garotinho foi expulsa do PR Poucos dias depois de ter o pai preso e chorar desesperadamente ao vê-lo sendo transferido para o Presídio de Bangu, a deputada federal Clarissa Garotinho foi expulsa de seu partido, o PR, por ter votado contra a PEC 241 (55 no Senado), que limita os gastos públicos.
A decisão foi anunciada pela Executiva Nacional do PR nesta segunda-feira (21). A filha de Anthony Garotinho votou contra a PEC 241, mas o PR havia fechado questão pelo voto favorável à proposta do Governo Temer. Todos os membros da Executiva do partido votaram contra Clarissa, que representa o Rio de Janeiro na Câmara dos Deputados.
Veja nota do PR
"A Executiva Nacional do Partido da República decidiu, por unanimidade, acatar às recomendações propostas pelo Conselho de Ética da legenda, no processo disciplinar que pune a desobediência de parlamentares ao fechamento de questão do partido à PEC 241, nos termos previstos pelo Estatuto do Partido da República.
A decisão prevê, em caráter irrevogável, a expulsão da deputada fluminense Clarissa Garotinho, além da suspensão para os deputados Silas Freire (PI) e Zenaide Maia (RN), por 9 e 12 meses respectivamente (que impede os mesmos de assumirem o cargo de Líder da bancada).
A punição da deputada Clarissa Garotinho não ficou restrita à suspensão por agravantes que levaram seu caso a uma esfera além do flagrante de desobediência ao fechamento de questão.
“Mesmo depois de ser comunicada da abertura do processo disciplinar, (Clarissa) divulgou nota oficial que desrespeita um colega de bancada e descarta a natureza democrática do PR”, esclareceu em seu voto o relator do processo de Clarissa Garotinho no Conselho de ética, Sr. Benedito de Freitas que, inclusive, apresenta a NOTA à imprensa assinada pela deputada como prova. “Ora, não se pode atribuir inspiração democrática a uma manifestação que, além de vulgarizar uma posição a ser obedecida por toda bancada do PR, pretende desmoralizar a natureza de uma decisão do mais alto colegiado do Partido.“, concluiu.
As recomendações propostas pelo relator e aprovadas pelo Conselho de ética do PR foram integralmente acatadas unanimidade dos membros da Executiva Nacional da legenda, a quem cabe a última palavra sobre o assunto."

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Certificado de Batismo para download

Péricles ex-exaltasamba aceita Jesus e agora se torna um cristão.