Image and video hosting by TinyPic

ATENÇÃO!

Este Site não visa fins lucrativos nem tem como objetivo reproduzir as obras.Nosso único objetivo é divulgar o trabalho dos cantores e fazer com que você avalie o arquivo antes de adquiri-lo.Se você gostou deste cd, procure uma revendedora mais próxima de sua casa e COMPRE Original, não incentive e nem faça pirataria, jamais compre arquivo PIRATA.OBS: Srºs Cantores se algo contigo neste site lhe causa algum dano ou prejuizo nos comunique para que possamos retirá-lo imediatamente de nosso site. O Portal Visão News gospel, Nao Se Responsabiliza Pelos Links Aqui expostos!

IMAGENS


A maioria das fotos deste blog foi retirada do Google Imagens.

REPRODUÇÃO DE TEXTOS

A cópia integral ou em parte de textos deste blog é livre, desde que seja dado o crédito com link para cá. O FairShare rastreia todas as reproduções.

* Não nos responsabilizamos pelo mal uso do conteúdo encontrado no Site e também por qualquer dano ou prejuízo causado por algo postado aqui.

* Os donos, webmasters e qualquer outra pessoa que tenha relacionamento com a produção do site não tem responsabilidade alguma sobre os arquivos que o usuário venha a baixar e para que ira utilizá-los.

Donos da Camisaria Colombo descumprem acordo e perdem negócio de R$ 1,1 bilhão



Considerados ‘incontroláveis’, irmãos não pagaram parcela de US$ 10 mi e desonraram fusão


Revista 'Isto É Dinheiro' destacou o casoReprodução

Os donos da Camisaria Colombo — Álvaro e Paulo Jabur Maluf — deixaram de cumprir um acordo comercial, ao não depositar uma parcela de US$ 10 milhões até o dia 20 de junho, e perderam a oportunidade de selar uma fusão com o GGAC (Garnero Group Acquisition Company) — um fundo de investimento criado nos Estados Unidos e parte do Brasilinvest, banco de negócios do empresário paulista Mario Garnero.

Em troca, os irmãos ficariam com 25% da nova empresa, que seria criada a partir de um negócio de cerca de US$ 330 milhões (R$ 1,1 bilhão) e se chamaria Garnero Colombo. O mercado classifica os irmãos Jabur Maluf como “incontroláveis”, de acordo com a revista IstoÉ. A desistência do negócio foi comunicada à SEC — órgão regulador do mercado de capitais nos Estados Unidos — no último dia 20 de julho.

Como os donos da Camisaria Colombo não cumpriram o acordo, o GGAC já cogita entrar na Justiça contra a empresa para pedir o ressarcimento dos danos provocados com o fim do negócio.

A Camisaria Colombo foi criada em 1917 e possui uma dívida de R$ 1,5 bilhão. Para tentar vender a empresa, os controladores se aliaram ao banco suíço UBS e fizeram um périplo nos Estados Unidos para tentar vender a empresa aos investidores estrangeiros. Mas até agora, nada.

A revista IstoÉ apurou que um escritório de advocacia baseado em Nova York, nos Estados Unidos, já enviou para a Colombo um documento com a série de compromissos não cumpridos. Isso aconteceu no dia 4 de julho, quando o advogado David Ann Miller, do escritório Graubard Miller, que representa o fundo GGAC, enviou uma carta para a camisaria.

Entre as falhas da Colombo estão a falta do envio à SEC, pela Colombo, de relatório financeiro relativo a 2015 auditado até 8 de fevereiro deste ano. Os controladores da Colombo também teriam informado o valor errado da sua dívida — teria dito R$ 700 milhões, montante depois revisado para R$ 1,5 bilhão.


Alvaro Maluf, em frente a foto da ColomboEstadão Conteúdo

Quanto à dívida, segundo a IstoÉ, existe até uma suspeita de que parte corresponderia a gastos pessoais de Álvaro e Paulo Jabur Maluf. Isso por causa da recompra, no começo de 2015, de 49,9% da Colombo, fatia que tinha sido adquirida pela Gávea Investimentos.

Por meio do seu advogado, Pedro Bianchi, que é membro do escritório Felsberg Advogados, a Colombo rebateu o GGAC e alegou que “o investimento foi planejado em fevereiro de 2015” e que “o Brasil era outro”. As declarações constam de reportagem da revista IstoÉ. Segundo a Colombo, “o grupo GGAC não encontrou investidores e a Colombo foi buscar alternativas”.

Por outro lado, o fundo de Mario Garnero disse ter US$ 143 milhões captados na data do cancelamento do acordo.

O empresário Mario GarneroEstadão Conteúdo

Endividada

O calote da famosa rede de vestuário brasileira foi dado em vários bancos e até em acertos com pequenos fornecedores — o que pode provocar desemprego nas famílias. Com os bancos Itaú, HSBC, Brasil Plural, Santander e Banco do Brasil, a camisaria conseguiu alongar sua dívida. Essa renegociação soma R$ 700 milhões, além de outros R$ 197 milhões com a Cotia Trading. O fundo de Garnero condenou essa renegociação de dívidas e explicou que não as teria autorizado se fosse controladora da Colombo.

O faturamento da Camisaria Colombo recuou de R$ 800 milhões por ano, em 2014, para R$ 500 milhões por ano agora. A rede de lojas também está menor: mais de 50 já foram fechadas, número considerável em relação às 434 que existiam. A empresa deverá chegar a 320 lojas, segundo estimativas dos seus controladores.
Fonte-R7 

Comentários












By Scraps Gospel ®

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também





Botão Bíblia 1

Postagens mais visitadas deste blog

Certificado de Batismo para download

Péricles ex-exaltasamba aceita Jesus e agora se torna um cristão.

Bíblia + HC Para DataShow – PowerPoint